Assine

Carlinhos Brown

Carlinhos Brown

Antônio Carlos Santos de Freitas nasceu em Salvador, na Bahia, e foi iniciado na música por Osvaldo Alves da Silva, o Mestre Pintado do Bongô. Seus primeiros instrumentos, que marcariam toda sua carreira e estilo musical, foram os de percussão, com o aprendizado de ritmos provenientes dos terreiros de candomblé.

Seu nome artístico, Carlinhos Brown, é uma homenagem a James Brown e H. Rap Brown, líderes da música negra da década de 1970, ídolos do funk e da soul music.

Em 1979, Carlinhos tocou na banda de rock Mar Revolto, em sua primeira gravação profissional. No início da década de 80, ele se tornou um dos instrumentistas mais requisitados da Bahia. Ele também foi um dos criadores do samba-reggae e, em 1989, fez parte da banda de Caetano Veloso no disco Estrangeiro. Nesta participação, sua composição Meia Lua Inteira fez muito sucesso o Brasil e no exterior.

Em seguida, surgiram Remexer, O Côco e É Difícil, composições suas interpretadas por outros artistas, que lhe renderam o troféu Caymmi, um dos mais importantes da música baiana. Participou também de turnês mundiais com João Gilberto, Djavan e João Bosco.

Na década de 1990, projetou-se nacional e internacionalmente como líder do grupo Timbalada. Este grupo reuniu mais de cem percussionistas e cantores, chamados de "timbaleiros", a maioria jovens pobres do bairro do Candeal, onde nasceu o músico e compositor.

Atualmente, não toca mais regularmente com esta banda, mas Brown continua a ser o mentor e produtor do grupo, em todos os catorze álbuns que a banda lançou até hoje.

Após o sucesso da Timbalada, começou sua carreira solo oficial em 1996, com o lançamento do disco Alfagamabetizado. Com Marisa Monte e Arnaldo Antunes, lançou, em 2002, o projeto Tribalistas, com CD e DVD.

Em 2001, Brown teve uma participação muito polêmica no Rock in Rio, quando foi alvo de garrafadas, pedradas e xingamentos. O incidente ocorreu pelo fato de ele ter seu show programado justamente no "Dia do Rock", que reuniu Guns N' Roses, Ira!, Ultraje a Rigor, Oasis, entre outras bandas.

Desde o lançamento de seu primeiro CD solo, Brown contabiliza cinco trabalhos, sendo o mais recente lançado em 2007. Intitulado A Gente Ainda Não Sonhou, o disco é totalmente produzido e quase todo tocado por Brown. Atualmente, o músico se divide entre a carreira internacional, que tem uma base sólida principalmente na Europa, seus projetos sociais no bairro do Candeal Pequeno, em Salvador, além dos projetos culturais, shows, produção de discos e trilhas para espetáculos de dança, filmes, dentre outras produções.

Em 2012, foi indicado ao Oscar de Melhor Canção Original, pela música Real in Rio, que compôs com Sergio Mendes e Siedah Garrett para o filme Rio, do diretor Carlos Saldanha.

Real in Rio foi originalmente composta em português, em parceria com Sérgio Mendes e Mikael Mutti, e ganhou o título de Favo de Mel. Das treze canções da trilha sonora do filme, sete são composições de Brown com parceiros como Sergio Mendes, Will.i.am, Siedah Garrett, Mikael Mutti e Jamie Foxx. Para compor as músicas de Rio, Brown passou duas temporadas de quinze dias em Los Angeles.

23/11/1962 (51 anos)

Signo de Sagitário

Notícias sobre Carlinhos Brown

Fotos de Carlinhos Brown

Mais Notícias de Carlinhos Brown